Crítica | Missão: Impossivel - Nação Secreta


Para Ethan Hunt não existe nenhuma MISSÃO IMPOSSÍVEL neste 5° filme da franquia

Tom Cruise está sob situações extremas e medidas extremas sem dublês

                                                                                              Guilherme de Moraes Corrêa

       Missão Impossível trás sempre o impossível a cada novo capítulo. E o nosso herói Ethan Hunt (Tom Cruise) não perdeu aquele seu jeitão de agente que não põe um limite na própria vida diante das missões como agente da IMF e sua equipe.
     Missão Impossível: Nação Secreta (Mission Impossible: Rogue Nation) tem aquela abertura incrível que a produção costuma sempre caprichar desde os filmes anteriores sempre com aquele ar de melhorar na tecnologia e aquela trilha sonora original que é inesquecível, "TAN TAN TAN, TAN TAN TAN TAN”, você reconhece só de ouvir está música.

Veja também:

Review em 5 - Jurassic World
Cara a Cara - Robert Downey Jr

     Para este tipo de franquia recheado de clichês cinematográficos e por ser aquele filme muito comercial em termos da divulgação de um sapato, vestido, terno, óculos de sol e principalmente motos e carros que só o nesta franquia é possível gostar, concluindo: este é um clichê bom!
    Por que um clichê bom? A cada capítulo apresentou uma MISSÃO IMPOSSÍVEL bastante perigoso e claro marca o filme. Por exemplo, voltando no 1° filme da franquia, quando Ethan tem de fazer uma cópia do disco rígido de um computador secreto da Missão e é preso na corda pela cintura e não pode fazer nenhum tipo de barulho e nem deixar cair nada, pois o sistema de alarme é muito rigoroso e reconhece até uma gota de suor no chão!
       Isto apareceu de diversas formas nos outros filmes em diferentes cenários e com obstáculos cada vez pior e isto que tornou a franquia com certa originalidade. Como o espectador há meses atrás já devem ter percebido em trailers do M.I. 5 e até um tipo making of da cena mais esperada do filme, parece ser a missão mais arriscada de Tom, ficar segurando com as mãos em um avião de guerra em movimento. Isto é, Cruise não tem dublê nesta cena! Oi, é isto mesmo, não existe uma barreira para ele, ele prefere sentir na pele do personagem Ethan que nada para ele é IMPOSSÍVEL.
      E parece que as situações extremas e as medidas extremas continuam arriscadas desde a última vez, no “Missão Impossível: Protocolo Fantasma”, só que bem pior desta vez e Ethan não pode contar só com sua equipe, ele vai tem de enfrentar até quem não é muito confiável no mundo de agentes e mocinhos misturados e infiltrados.
       Se você acha que a pior missão impossível é a cena do avião, está muito enganado é só a cereja do bolo! Sim, existem várias missões impossíveis que o Ethan e sua equipe enfrentam da melhor forma possível. É repleto de cenas de tirar o fôlego, barulho, explosões, surpresas incríveis que o espectador não terá tempo para respirar e muitos segredos serão revelados.
      Não tenho o que apontar como defeito, a direção também é do Christopher McQuarrie e pode acreditar porque este filme começa exatamente onde o anterior terminou o Ethan preparando a equipe para investigar o Sindicato. O que é esse Sindicato? E porque Nação Secreta? E você vai se divertir muito com o carismático agente Benji Dunn (Simon Pegg) que é o agente que mais acompanha as loucuras do Hunt. E vai ficar apaixonado e desapontado com as atitudes da agente Ilsa Faust (Rebecca Ferguson) que não sabemos se poderemos confiar ou não.
     Vai rever os outros agentes como: Willliam Brandt (Jeremy Renner) e Luther Stickell (Ving Rhames), vilões novos e outros agentes, o filme está mais complexo e uma visão mais ampla do que é a IMF, CIA, infiltração, traição e principalmente a confiança.
     A estreia foi dia 13/08, repórter colaborador do Premiere Line e jornalista do Metrópole Guarulhos foi conferir o filme na pré-estreia para imprensa e aprovou filme, pois as SITUAÇÕES EXTREMAS E MEDIDAS EXTREMAS precisam ser testadas no público, não temos dúvida que será um sucesso de bilheteria neste fim de semana de estreia.
Veja algumas imagens e pôster do filme:









Conheça mais sobre o jornalista Guilherme:
www.oamoreumacoisinhainjusta.blogspot.com.br
Instagram: https://instagram.com/gui_mcorrea/ e Twitter: https://twitter.com/gui_wftejo 

Share on Google Plus