400 Days - Crítica - PREMIERE LINE

NEWS

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

400 Days - Crítica

Há vários dias tentando ver o filme, porém, sem sucesso, criei grandes expectativas, um trailer emocionante, sinopse intrigante.

    Incialmente, a produção do filme é muito bem-feita, não deixou a desejar em nada, um bom elenco, os protagonistas são Brandon Routh (Átomo) e Caity Lotz (Canário) da série Arrow, e meu favorito Ben Feldman (Drop Dead Diva), contanto ainda com Tom Cavanagh (The Flash).

    Trata-se de um telefilme do canal Syfy, onde quatro astronautas entram numa simulação para testar os efeitos psicológicos de permanecerem trancafiados 400 dias, que na verdade não se concretizam, e um tanto estranho que a simulação passa um pouco para o esquisito.
     Não sei bem o que Matt Ostermann (diretor) tinha na cabeça quando fez esse filme, obviamente dá muita abertura para várias interpretações, o que não é de todo mal, porém, a não linearidade da história me incomoda um pouco, principalmente em questões de realmente não entender o que está acontecendo.
O final da trama fica um pouco suspenso, um final que realmente ninguém espera, mas que também não entende muito bem.


Nota:7/10

Pages