ESPECIAL | Conheça a historia que inspirou 'Incontrolável' - PREMIERE LINE

NEWS

Home Top Ad

Post Top Ad

25 de junho de 2016

ESPECIAL | Conheça a historia que inspirou 'Incontrolável'


O longa 'Incontrolável' dirigido por  Tony Scott é um suspense lançado em 2011, que foi inspirado em um caso real que você vai conferir agora.

Uma composição carregada de produtos altamente tóxicos está desgovernada e o perigo é iminente. Um condutor (Chris Pine) e um maquinista experiente (Denzel Washington) precisam evitar que uma pequena cidade em seu caminho seja destruída. A única saída é botar em prática uma operação muito arriscada, mas o tempo corre contra eles.

A história real

O caso real é conhecido como Incidente do CSX 8888 ou Crazy Eights (oitos malucos) e aconteceu em 15 de maio de 2001. Um operador desceu do trem 8888 da CSX – ainda em baixa velocidade – para mudá-lo de trilho e manobrar outra locomotiva no pátio. Porém, ele não acionou o freio dinâmico como acreditara e a potência em 100% que deveria ter parado o trem acabou fazendo-o acelerar. A CSX nunca divulgou o nome do operador nem as medidas que foram tomadas após o incidente.

O 8888 viajou sem controle pelo estado de Ohio por duas horas, a 82 Km/h. De seus 47 vagões (todos de carga), 22 estavam carregados. O químico perigoso citado no filme é um composto fundido de fenol, usado em tintas, colas e pigmentos, que causa danos caso seja inalado, ingerido ou entre em contato com a pele. O fundido pode ser usado como combustível para um incêndio, mas não é explosivo e não pega fogo sozinho.

Ao contrário do filme, a primeira reação da companhia foi tentar descarrilar o trem numa área rural (sem aquele drama com os custos da operação), porém o 8888 destruiu o descarrilador portátil sem reduzir a velocidade. Policiais realmente atiraram no tanque de combustível, mas só conseguiram acertar sua tampa. Os dois personagens principais do filme eram na realidade um engenheiro com 31 anos de experiência e um condutor novato, há um ano no trabalho. Eles já estavam esperando em um trilho paralelo quando as primeiras tentativas de parar o trem falharam, e assim que ele os ultrapassou, começaram a perseguí-lo de marcha a ré.

Ainda estavam a muitos quilômetros da cidade mais próxima, Kenton, quando conseguiram acoplar as locomotivas e reduzir a velocidade do 8888, possibilitando que um outro funcionário da CSX, Jon Hosfeld, pudesse abordá-lo a pé e desligar o motor de dentro da cabine. Um vídeo deste momento está disponível no final do post.

O sistema do homem morto citado no filme é um aparato de segurança que impede que um trem continue funcionando caso o condutor desmaie, morra ou fique incapacitado. Após 40-45 segundos sem atividade do condutor (pisar no pedal, acelerar, apertar botões), o sistema aciona os freios da locomotiva (leia uma explicação técnica aqui). Na vida real, o engenheiro do pátio realmente tentou acionar o freio dinâmico, o que desligou o sistema do homem morto.

A CSX não teve de pagar idenizações pelo incidente pois os investigadores consideraram sua causa uma série de erros e falhas imprevisíveis. O incidente real feriu apenas uma pessoa, um condutor experiente que tentou pular no trem em movimento e acabou arrastado por 24 metros.


Post Bottom Ad

Pages