Home » , » ESPECIAL | Conheça a historia que inspirou 'Os Infratores'

ESPECIAL | Conheça a historia que inspirou 'Os Infratores'

Written By Cleber Campos on 16 agosto 2016 | 02:05



O longa 'Os Infratores' dirigido por John Hillcoat é um drama lançado em 2012, que foi inspirado em um caso real que você vai conferir agora.

Sinopse do filme:

Na década de 30, em plena Lei Seca, os irmãos Bondurant ganham a vida vendendo bebidas alcóolicas ilegalmente. O líder do trio é Forrest (Tom Hardy), que tem fama de invencível. Howard (Jason Clarke) é seu braço direito, enquanto que o caçula Jack (Shia LaBeouf) ainda precisa provar seu valor. Apesar dos problemas ocasionais com a polícia, o negócio deles vai bem. Só que Charlie Rakes (Guy Pearce), um policial enviado de Chicago, está disposto a usar todos os meios possíveis para capturar os irmãos.

Caso real:
 Ao que os relatos indicam, o porco morto no início do filme era um porco de verdade. O roteirista Nick Cave inclusive adaptou a cena do livro, em que o porco era morto a facadas, para que ficasse mais fácil filmar a morte (porcos lutam e esperneiam muito). A equipe do Baseado em Fatos Irreais deixa claro aqui que despreza totalmente qualquer ato de crueldade contra animais, seja para o cinema ou não.

O filme foi baseado no livro “The Wettest Country in the World” (O país mais a oeste do mundo), traduzido para o português como “Os Infratores” e escrito pelo neto de Jack Bondurant (Shia Labeouf), Matt Bondurant. Matt decidiu escrever o livro depois da morte de seu avô, que não costumava contar nada daqueles tempos. O escritor lamenta não ter perguntado nada sobre o tráfico de bebidas: “Acho que perdi as oportunidades, as chances que tive de conversar com meu avô, e fico bravo e cheio de remorso. Essa história é uma porta para o passado que estava sempre na minha frente, esperando. Eu era pequeno e medroso. Não vou cometer esse erro novamente.”

Na verdade, quase nenhum morador do condado de Franklin quis falar sobre o caso. Logo, o escritor se baseou principalmente em jornais e registros de processos legais para o livro. Ele acrescentou um tom ficcional à história, que segue um jornalista em busca das lendas dos irmãos Bondurant. O livro tem descrições bastante violentas, como acreditam-se ter sido os assassinatos da época. O tiroteio na ponte é real, e Jack chegou a mostrar o buraco em seu peito para o neto. Porém, ao contrário do filme, Forrest não tomou três tiros, mas apenas um – no estômago, quando tentou ajudar os irmãos.

O deputado Charley Rakes também é real – e foi ele que baleou Jack a queima roupa na ponte. Mas ele não era de Chicago, como o próprio roteirista Nick Cave assumiu: “Ele era um policial desagradável do campo. Nós o transformamos em um policial de cidade, lhe impusemos uma sexualidade depravada e tudo aquilo”.

Em relação à garganta de Forrest ter sido cortada de orelha a orelha, é tudo verdade. Exceto à parte em que sua esposa assume tê-lo levado ao hospital. Na vida real, realmente acredita-se que ele tenha andado 16 quilômetros na neve, segurando o pescoço junto.
Share this article :
 
Support : | |
Copyright © 2011. Premiere Line - All Rights Reserved