13 Reasons Why | Autor do livro diz que Hannah poderia ter sobrevivido à tentativa de suicídio


A série do Netflix 13 Reasons Why recebeu o rótulo de série mais comentada no Twitter em 2017 por focar nos eventos que levam à morte da personagem Hannah Baker, a qual comete suicídio ao cortar os próprios pulsos na banheira de sua casa.

O que muitos fãs da série talvez não saibam é que essa não era a única possibilidade para a Hannah, no livro do qual a série foi adaptada. De acordo com o autor Jay Asher, havia planos de um final no qual Hannah teria sobrevivido à sua tentativa de suicídio, que não envolveria cortar os pulsos, mas, sim ingerir vários remédios de uma só vez.

“Eu mantive esse final porque gosto da ideia de que podemos aprender algo com ele”, disse Asher ao Entertainment Weekly. “Quando eu percebi que a mensagem da história teria sido mais forte da forma como foi, entendi que não poderia permitir que ela sobrevivesse. É por isso que a personagem Skye aparece sendo ajudada por Clay no fim do livro e da série, para mostrarmos que alguém ali está tendo uma segunda chance”, explicou.

Além de Katherine Longford, Dylan Minnette, Brandon Flynn, Christian Navarro, Alisha Boe (Ray Donovan), Justin Prentice (Malibu Country), Devin Druid, Miles Heizer (Parenthood) e Ross Butler completam o elenco jovem da adaptação de 13 Reasons Why.
Rita Coelho
Rita Coelho

INSTAGRAM