Estreia de Star Wars: Os Últimos Jedi é antecipada no Reino Unido


Pelo fato de ser o país central (sortudo) das filmagens de todos os Star Wars, em forma comemorativa a Lucasfilm confirmou o adiantamento em apenas um dia com relação aos Estados Unidos.

Com data previamente definida para 15 de dezembro, uma sexta-feira, a Lucasfilm agendou agora a estreia no Reino Unido para a quinta-feira, 14.

O mesmo ocorreu com Star Wars: O Despertar da Força e Rogue One: Uma Nova Esperança.

Star Wars: The Last Jedi tem no Inquisidor seu principal vilão, um ciborgue com manto preto, olhos vermelhos e parte do rosto coberta de metal – confira a imagem abaixo. 


É a mesma ameaça da série animada Star Wars Rebels – o que remete a uma conexão muito maior do que a esperada com o desenho.

Ele é um membro do grupo conhecido como Inquisidores, defensores da Ordem Sith e que estariam ligados com o Darth Vader – o vilão dos filmes anteriores deve fazer uma breve aparição no Episódio VII.

O Inquisidor deve ser apresentado junto com Luke Skywalker. Na trama, os novos heróis, Daisy Ridley e John Boyega, um ex-Stormtrooper agora renegado – encontram um sabre de luz perdido no espaço e decidem devolver a relíquia ao seu dono – que mais tarde descobrem se tratar de Luke. 

Assim partem numa jornada, ao lado de Han Solo e Chewbacca, para reencontrar Luke. Quando o Jedi Master reaparece, explica que sumiu nos últimos 30 anos – desde os eventos de O Retorno de Jedi – por ter sido mantido prisioneiro e e as cenas são contadas por meio de flashbacks – é aí que a conexão do personagem com os Inquisidores é mostrada.

O elenco conta com Carrie Fisher como Leia, Daisy Ridley como Rey, Adam Driver  no papel de Kylo Ren, Billie Lourd como Lieutenant Connix e Mark Hamill como o protagonista Luke Skywalker. 

O diretor Rian Johnson é também roteirista junto de David Kamp.




Share on Google Plus