"Formation Tour" usava 7 aviões boeings e mais 70 caminhões para transportar o palco

Resultado de imagem para formation tour

 Beyoncé não economizou na ''Formation Tour'', segundo um repórter da BBC a turnê da cantora utiliza cerca de 7 aviões boeings e mais 70 caminhões, para transportar a estrutura usada pela cantora durante seus 40 shows.

Diretor geral da transportadora Sound Moves, Martin Corr, revelou que não foi uma tarefa fácil.

“Foi o maior deslocamento que já fizemos, foi uma correria para que a aeronave fosse descarregada. Há muitos compromissos na agenda de um artista. Eles querem ser vistos pelo público, mas no menor tempo possível”.

Resultado de imagem para formation tour palco

O palco da turnê foi descrito como "um divisor de águas para o que pode ser conquistado em um ambiente de turnês em estádios. Toda a colaboração, desde a cênica até a estrutura e o mecanismo, foi feita sob medida para criar uma experiência épica para Beyoncé e seus fãs". 

Resultado de imagem para formation tour palco

Concebido por Es Devlin e construído pela mesma em conjunto com as empresas Stageco e Tait Towers, o palco da excursão apresenta como peça central um cubo de 18.2 metros composto por paredes de telas de vídeo. Adjetivando-o de Monolith, Devlin falou sobre o cubo em entrevista com a Live Online Design, declarando que o objetivo principal para a construção do produto foi "querer que esse fosse o maior objeto no estádio, uma peça de arquitetura cinética de estádios equivalente a uma construção LED de sete andares e giratória". 

Devlin também comentou que a caixa foi percebida como um "outdoor 3D, uma enorme armadura LED dentro da qual Beyoncé é revelada como uma figura em escala bastante humana e verdadeira" e notou que Beyoncé envolveu-se bastante no processo criativo de cada parte da concepção do palco. As rotações do cubo representam um novo capítulo do show, em uma similar linha de capítulos à de Lemonade. A peça leva aproximadamente quatro minutos para completar um giro.

O palco também é constituído por uma passarela que também atua como uma esteira que leva a um palco secundário preenchido por uma piscina de água. A esteira na passarela foi designada para ser a prova d'água a fim de suportar os climas imprevisíveis em estádios sem cobertura. O palco secundário armazena dois mil galões de água e leva cerca de dez minutos para ser preenchida por completo, o que ocorre sem o público perceber.

Resultado de imagem para formation tour palco

A inspiração para a água dentro do segundo palco foi inspirada por Lemonade, em particular a canção "Forward", já que a mensagem da faixa é descrita como um ponto de virada de raiva para o perdão. Devlin disse: "A piscina d'água é a antítese do monólito que esguicha fogo; a sequência mais alegre e redentora do concerto ocorre aqui, de 'Freedom' até 'Halo'".

Um escritor do jornal Belfast Telegraph notou que a capacidade máxima do concerto feito no estádio Croke Park, em Dublin, foi reduzida de 82 mil e 500 pessoas para 75 mil a fim de dar espaço para a produção da turnê, com o organizador Eamon Fox dizendo: "É uma produção e um palco de show de cair o queixo e um dos maiores que já teve no Croke Park".

Resultado de imagem para formation tour palco
Charles Zavaroski
Charles Zavaroski

INSTAGRAM