Após 15 anos, Tarantino pede desculpa pelo seu comentário sem noção sobre o caso de estupro envolvendo o diretor Roman Polanski e uma criança de 13 anos


O diretor Quentin Tarantino se desculpou hoje, após 15 anos, pelo seu comentário sobre a polêmica envolvendo o diretor Roman Polanski

Na época Polanski, estava sendo acusado de estupro por uma menina de apenas 13 anos e Tarantino disse "Mas ela queria, ela era uma girl party(Prostituta)".

“Quero pedir desculpas públicas a Samantha Geimer por minhas observações no programa The Howard Stern Show em relação ao crime cometido contra ela. Quinze anos depois, percebo o quão errado eu estava. A Sra. Geimer foi estuprada por Roman Polanski. Quando Howard trouxe à tona Polanski, eu agi incorretamente como o defensor do diabo no debate, por ser um assunto provocador. Não levei em consideração os sentimentos da Sra. Geimer e por isso eu sinto muito. Então, Sra. Geimer, eu fui ignorante, insensível e, acima de tudo, incorreto. Desculpe Samantha“, disse Tarantino ao Daily News.





Charles Zavaroski
Charles Zavaroski