Cuspindo no prato que comeu, roteirista de 'Mulher-Gato' afirma que sente vergonha do filme - PREMIERE LINE

Cuspindo no prato que comeu, roteirista de 'Mulher-Gato' afirma que sente vergonha do filme

Share This

O escritor John Rogers de Mulher-Gato de 2004, protagonizado por Halle Berry, foi questionado no Twitter, por um usuário, querendo saber, porque o longa não é considerado um filme representativo.
Rogers aproveitou e desabafou "Sinto vergonha". Confira:

"Como um dos escritores creditados em Mulher-Gato, eu acredito que tenho a autoridade de dizer: porque foi um filme ruim jogado pelo estúdio no final de um ciclo de estilo, e tinha zero relevância cultural na frente e atrás das câmeras.

Essa foi uma interpretação ruim. Sinta vergonha"

Pages