Disney irá lançar uma série de "Moon Girl" - PREMIERE LINE

NEWS

Home Top Ad

Post Top Ad

22 de fevereiro de 2018

Disney irá lançar uma série de "Moon Girl"


Segundo a imprensa norte-americana, a Disney está produzindo uma série baseada nas HQs da Moon Girl, lançada em 2016. A produção do seriado será de Lauren Fishburne, conhecido por ter atuado em Matrix. O projeto segue sem muitas informações como por exemplo a data de estreia.

Em abril de 1978, a Marvel publicou a primeira edição de “Devil Dinosaur”, uma história em quadrinhos sobre um tiranossauro vermelho que, junto com seu escudeiro, Moon Boy, vivem no Dinosaur World, um universo paralelo onde dinossauros e tribos primitivas coexistem.

A série teve uma vida curta e parou de ser publicada em dezembro daquele mesmo ano. Trinta e sete anos após o fim de “Devil Dinosaur”, a Marvel decidiu dar uma segunda chance para o dinossauro vermelho.


Os roteiristas Amy Reeder (Supergirl, Batwoman) e Brandon Montclare (Rocket Girl) foram os responsáveis por criar o conceito para a nova versão da história, que se passará na cidade de Nova York, em vez de um universo paralelo. A principal novidade é que o Devil Dinosaur terá uma nova companheira: Lunella Lafayette, a Moon Girl.

Lunella é uma pré-adolescente com uma inteligência fora do comum. “Geralmente nós criamos personagens mais velhos para os nossos títulos, mas dessa vez queríamos criar algo que tanto adultos quanto crianças pudessem adorar, como a vibe dos filmes da Pixar”, diz a editora Emily Shaw. “A personagem vive em um mundo onde as pessoas não a entendem. O cérebro dela trabalha forma diferente das outras crianças da idade dela e essa ideia de se sentir isolado durante a pré-adolescência foi muito importante para nós. Muitos dos nossos leitores poderão se identificar com esse sentimento.”


Trazer diversidade para “Moon Girl and Devil Dinosaur” foi muito importante para os envolvidos no projeto. Segundo a ilustradora Natacha Bustos, o fato de a personagem principal ser negra é um marco para uma editora mainstream como a Marvel. “É importante que uma editora com o alcance da Marvel traga novas referências. Um grande número de leitores estão à procura de personagens com os quais eles possam se identificar”, diz Bustos.


Post Bottom Ad

Pages