Crítica | The Post: Guerra Secreta - As demais facetas da guerra - PREMIERE LINE

NEWS

Post Bottom Ad

16 de março de 2018

Crítica | The Post: Guerra Secreta - As demais facetas da guerra



O Oscar 2018 foi com certeza um dos mais versáteis dos últimos anos, tendo Guillermo Del Toro como vencedor de melhor filme, concorrendo com três filmes com tramas sob o tema: guerra, e demais tramas com temas bastante contemporâneos, podemos dizer que este foi um Oscar para todos os gostos, no entanto, vamos falar do aclamado The Post: A Guerra Secreta.

NARRATIVA


The Post é o típico filme onde se prioriza os diálogos e cenas linhas de pessoas olhando umas pras outras. Não que qualquer outro filme não necessite de tal atenção, mas The Post acima de tudo prioriza a atenção, onde cada palavrinha dita ali tem uma importância enorme para a trama e pode ser extremamente importante para entender o final do filme. Além de tudo, o filme tem ótimas cenas, sem falar nos seus diálogos que em alguns pontos podem ser exaustivos, já em outros te prendem e te deixam completamente vidrado no filme.

ATUAÇÕES


Vai por mim, você acha que um filme com a Meryl Streep como personagem principal seria ruim? E o Tom Hanks? Bem, cada um com sua opinião, mas vamos falar da atuação maravilhosa da Meryl neste filme, ela consegue interpretar uma personagem que mesmo ela estando em total silêncio, consegue passar ao público tudo que a personagem está sentindo e pensando. Não que isso torne a trama previsível, mas você se sente ligado a personagem, e não só com ela. Temos o Tom Hanks, Alison Brie, Bob Ondekirke e Sarah Paulson são os destaques do filme, de fato é impossível imaginar aqueles personagens na pele de outros atores.

FOTOGRAFIA, FIGURINO E MAQUIAGEM


Tá na cara que o Spielberg pensou em tudo e todos ao fazer o filme, pois até mesmo em uma trama que foge totalmente da temática que estamos acostumados com o diretor, ele consegue surpreender e mostrar que sabe sim fazer qualquer estilo de filme. A sua fotografia é belíssima, com ótimos cortes e montagens de cena que mostram todo o ambiente de forma natural é simples, como se de fato fossem coisas do cotidiano. A maquiagem então se demonstra mais simples do que o esperado, no entanto, mostra toda uma beleza por trás, um certo glamour, assim como o figurino.

VEREDITO
Apesar de ser um filme crítico e relativamente cult, The Post é um filme para assistir em família, não empolga bastante, não tem cenas de tirar o fôlego, mas é um filme simples, com roteiro bem estruturado, diálogos bem escritos, cenas muito bem dirigidas e uma trilha digamos até básica mesmo tendo sido produzida por John Williams (responsável pelas trilhas sonoras de Star Wars). The Post: A Guerra Secreta está disponível para pré-venda e foi indicado ao Oscar de melhor filme em 2018 e ao Globo de Ouro de melhor filme dramático. Confira a sinopse:
Em 1971, os editores Katharine Graham e Ben Bradlee do Washington Post arriscam suas carreiras e liberdade para expor segredos governamentais que abrangem três décadas e quatro presidentes dos Estados Unidos.
E você? Já assistiu The Post: A Guerra Secreta? Conta pra gente aí nos comentários o que achou. 

Post Top Ad

Pages