Jamaicano acusa Miley Cyrus de plágio por "We Can't Stop" e pede US$1 bilhão - PREMIERE LINE

NEWS

Post Bottom Ad

quarta-feira, 14 de março de 2018

Jamaicano acusa Miley Cyrus de plágio por "We Can't Stop" e pede US$1 bilhão


Segundo o New Musical Express, a cantora Miley Cyrus, está sendo mais uma vez processada por plágio. Desta vez um jamaicano chamado de Michael May, conhecido como Flourgon, entrou na justiça, acusando a cantora de plagiar sua música "We Run Things".
 
May afirma que "We Can't Stop", lançado em 2013, por Cyrus é uma cópia da sua música, que foi lançada em 1988. O jamaicano está pedindo nada menos que US$ 300 milhões (R$ 977 milhões) de indenização.

Os produtores do álbum "Bangerz" e o estúdio também estão sendo processados por conta da gravação.

Compare as faixas:


Post Top Ad

Pages