Gone - Primeiras Impressões | Um boa premissa mas com estrutura comum (1x1) - PREMIERE LINE

NEWS

Post Bottom Ad

quarta-feira, 8 de agosto de 2018

Gone - Primeiras Impressões | Um boa premissa mas com estrutura comum (1x1)


Gone, a nova série de drama/policial, é baseada no livro "One Kick" de Chelsea Cain, a adaptação da TV entrega um bom piloto apesar da falta de camadas em sua história a princípio.

Talvez por ser o piloto, a produção tenha optado por algo mais corrido e cheio de reviravoltas para chamar a atenção do público. Mas no final é exatamente isso. Um show com muitos acontecimentos, mas que nem por isso traga algo memorável.


Gone começa mostrando sua protagonista ainda em cativeiro quando criança, mas aparentemente vivendo uma vida comum com seus captores. Salva pelo FBI é "adotada" por Frank Novak (Chris Noth- Sex And The City). É uma sequência rasa e falha em causar simpatia ou até compreensão do estado real da vítima. Espero que nos episódios seguintes isso seja mais explorado já que como mostrado na série nos minutos adiante, a protagonista não superou o trauma.


Kit Lannigan (Leven Rambin- Jogos Vorazes/Grey's Anatomy) agora adulta e dona de uma academia de artes marciais, faixa preta e boa atiradora é convocada por Frank para se juntar a sua força tarefa especial após uma menina ser sequestrada. Sem qualquer motivo aparente ou razão. Não é como se o caso da menina fosse algo fora do comum ou mesmo de algum político influente. Nada que de fato destaque ou dê razão para o por que de agora ela ser chamada. E fica por isso mesmo.

O problema é que visivelmente ela não está preparada e atriz realmente tenta entregar uma boa atuação. Mas a situação em si não faz muito sentido. Ela é jogada em campo sem qualquer preparo ou acompanhamento. É estranho e quando ela ajuda no caso sai mais como um "como ela sabe disso?". Instinto existe mas até certo ponto. Não é como se ela fosse um gênio ou super experiente. Não é como em Scorpion, por exemplo, apesar da situação ser similar. 


Seu parceiro, John Bishop (Danny Pino - L&O:SVU)) é extremamente conhecido para quem gosta desse tipo de gênero. Ele não traz nada de novo. Apenas fazendo o papel que já esta acostumado. É isso.


No geral, Gone é contagiante e te prende até o final. Mas talvez não tenha qualidades o suficiente para bater séries como Chicago PD, CSI, Law and Order: SVU, 9-1-1 ou Criminal Minds. Resta saber o que ela vai fazer com os seus próximos 11 episódios em seu primeiro ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Pages