Assassin's Creed Odyssey - Tudo o que você precisa saber sobre o novo game da franquia - PREMIERE LINE

NEWS

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Assassin's Creed Odyssey - Tudo o que você precisa saber sobre o novo game da franquia


A franquia Assassin's Creed está voltando em 2018 para mais um capítulo, e dessa vez nossas aventuras serão realizadas na Grécia Antiga em AC: Odyssey. É claro que depois do sucesso de Origins, a Ubisoft quis mudar ainda mais a fórmula consagrada da saga com a implantação de diversas novidades no game. Então, confira tudo o que já sabemos de Assassin's Creed: Odyssey.

Como eu já disse, nossa odisseia - sem mais trocadilhos agora - será ambientada na Grécia Antiga. Para ser mais específico, a narrativa se passa durante a Guerra do Peloponeso em 431 Antes de Cristo, ou seja, Odyssey se passará no período mais antigo de toda a franquia.


Nessa época as cidades de Atenas e Esparta eram as mais desenvolvidas da Grécia, e estavam envoltas numa disputa de poder incontrolável. Enquanto Atenas se destacava por ser o "berço da democracia" , do desenvolvimento urbano e de atividades intelectuais; Esparta era respeitada por seu alto desenvolvimento militar, disciplina e rigidez. 

A Guerra do Peloponeso pode ser definida, de uma forma simples, como a disputa de poder entre ambas as cidades pelos conflitos ideológicos existentes. Exemplificando melhor, em Atenas havia o nascimento da democracia e a prática da cidadania, porém, o lado espartano via as coisas em uma perspectiva diferente, com a centralização do poder para alguns e a cidadania mais restrita.

O mapa de Odyssey é consideravelmente maior do que o de seu antecessor, 62% mais expansivo para ser mais exato. Além das duas principais cidades, também teremos a oportunidade de visitar outros locais famoso como o próprio Peloponeso, o lar dos Jogos Olímpicos Originais.


Assim como em AC: Origins, a ambientação do novo título está rica em detalhes. Sobretudo na estética grega, como as estátuas, templos e o conceito da cultura do corpo e da guerra.

A variedade de flora e fauna também impressiona, com diversos tipos de animais, como tubarões e ursos para serem caçados. Em vídeos, a Ubisoft também confirmou a existência de criaturas mitológicas como a Medusa.


Em Assassin's Creed: Odyssey a Ubisoft realmente quer mudar o jeito de produzir a franquia. Pela primeira vez teremos a opção de escolher entre dois protagonistas: Alexios e Kassandra, ambos filhos do herói espartano Leônidas. Além disso, também teremos um sistema de relacionamentos a la Mass Effect e Dragon Age.



A escolha de personagens não irá afetar a narrativa do game, de acordo com os produtores. Mas é interessante notar o novo rumo do game.

Como já é de costume na saga, iremos visitar locais históricos da humanidade, mas também poderemos bater um papo com algumas figuras muito importantes, como por exemplo o fundador da filosofia ocidental e um dos principais filósofos gregos, Sócrates.



Odyssey também tem a missão de ser o mais RPG de todos. Durante a trama, poderemos tomar decisões que afetaram o futuro dos personagens, sua reputação e culminando em finais diferentes.

 Falando em reputação, os NPCs poderão contratar mercenários para te matar na medida em que você faz escolhas. Algo bem similar ao sistema de Terra-Média: Sombras de Mordor/Guerra.

Teremos uma árvore de habilidades vasta, com três subdivisões: Caçador, Guerreiro e Assassino. Ganharemos pontos de habilidades que serão distribuídos em habilidades e aprimoramentos distintos para ajudar a melhorar nossa saúde e ataque, por exemplo.

Se de Assassin's Creed: Syndicate a Origins já havia um salto gigantesco no que diz respeito ao gameplay, Odyssey quer ir além, e segundo os produtores o novo título evolui ainda mais.


Agora temos a opção de utilizar "atalhos" para habilidades de adrenalina. A furtividade estará mais presente do que antes, mas isso não significa que você não possa realizar uma chacina contra seus inimigos.

Não deve haver uma grande mudança em relação ao combate. Teremos a opção novamente de atacar, defender golpes, contra-atacar e outras funções que você já está familiarizado. 

Voltando a falar sobre a Guerra do Peloponeso, haverão gigantescas batalhas entre as cidades de Atenas e Esparta, o qual serão representadas por duas equipes de 150 combatentes, e cabe ao jogador escolher que lado irá representar.



Os confrontos com navios estão de volta para o jogador fazer a limpa em todos os pontos do mar. Teremos um leque variado de customização de embarcações, armamento e também a opção de montar nossa própria e única tripulação.



Contaremos também com um arsenal disposto em 9 categorias e com mais de 100 armas totalmente diferentes, além de dezenas de conjuntos de armaduras para montar o personagem mais mortal possível. 

Assassin's Creed Odyssey é um game promissor. Com a promessa de centenas de horas de exploração do Peloponeso aos confins do Mar Egeu e muitas inovações dentro da franquia, o jogo chega às lojas em 5 de outubro, disponível para Xbox One, PlayStation 4 e PC.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages