REVIEW | Atypical (2° temporada) - Mais madura, mas ainda com seu brilho leve e sensível - PREMIERE LINE

NEWS

Post Bottom Ad

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

REVIEW | Atypical (2° temporada) - Mais madura, mas ainda com seu brilho leve e sensível


COM SPOILER!

Atypical retorna em seu segundo ano com a mesma sensibilidade em lidar com assuntos sérios e faz isso de forma brilhante, provando que não só merece ter longevidade no streaming, como também é um das melhores séries da Netflix.


A segunda temporada é sem sombra de dúvidas melhor que a primeira. Podemos ver no decorrer dos dez episódios um amadurecimento do elenco, dos personagens e de suas histórias. 


Atypical soube como nos mostrar, sem escolher lados, cada ponto de vista dos personagens diante das situações que foram surgindo. Mas no final, o que prevalecia é a união da família Gardner. 




Foi uma importante temporada para Casey. Não só ela teve mais espaço nessa temporada como também mudanças importantes aconteceram em sua vida pessoal. Foi intenso observar sua tentativa de criar raízes na nova escola, fazer novos amigos e lidar com os problemas em casa. Além de fazer novas descobertas a respeito dos seus sentimentos sobre Evan e sua nova amiga Izzie.




O relacionamento dos pais de Sam foi outro ponto intenso da temporada. Incrível a madeira sensível como a série encarou tudo. A traição, a distância, a falta de perdão, mágoa. É um drama acessível para aqueles que gostam de algo leve mas com o tom ideal de seriedade.




Sam foi, claro, o destaque maior. Sem sua terapeuta e com dezenas de mudanças a vista. Podemos ver a forma única, inteligente e direta que ele lida com os amigos, seus problemas e a família.


É impossível não se envolver com suas conquistas diárias e sua forma de ver o mundo. Mesmo que em alguns momentos ele beira a perder o controle, o que a série novamente acerta em mostrar esses episódios com muita responsabilidade e sem exageros. Ele consegue superar e sempre tira um aprendizado das adversidades.

Sua busca por independência é uma das melhores coisas na temporada.




No geral o segundo ano de Atypical foi excelente, mais maduro e com certeza mais pé no chão.




Deixando diversas pontas para um terceiro ano, fica quase impossível não esperar por uma renovação. Mais do que merecida por sinal! Atypical vale cada momento do seu tempo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Pages