Primeiras Impressões | Resident Evil 2 - A essência do clássico em um corpo renovado para a nova geração - PREMIERE LINE

NEWS

segunda-feira, 15 de outubro de 2018

Primeiras Impressões | Resident Evil 2 - A essência do clássico em um corpo renovado para a nova geração


Os fãs de jogos de survival horror entraram em êxtase quando foi anunciado o remake do aclamado Resident Evil 2, jogo lançado originalmente em 1998 e que permanece como um dos melhores do gênero.

Carregada de expectativas, esta nova versão está sendo desenvolvida com o mesmo motor do Resident Evil 7, com gráficos e jogabilidade atualizados para a nova geração. E foi durante a Brasil Game Show 2018, onde nossa equipe esteve presente, que testamos a demo do Leon, o qual havíamos visto somente em vídeo até então.


Jogabilidade, gráficos e ambientação

Meu maior receio era de tentarem mudar o jogo, transformando-o de um terror de sobrevivência para um jogo de ação com temática de terror e alguns sustos. Felizmente isto não aconteceu, muito pelo contrário: a jogabilidade, embora renovada, ainda tem o peso do jogo clássico.

Movimentação metódica, necessidade de parar e focar ao atirar e controles precisos mantém a tensão ao máximo. A câmera, agora por cima do ombro, não deixa o campo de visão muito aberto, o que faz com que seja necessária muita cautela ao caminhar pelos cenários escuros e cheios de obstáculos e locais onde os zumbis podem se esconder e assustar o jogador quando ele se aproxima.

Os gráficos estão muito bem trabalhados, com destaque para o ótimo uso de luz e sombras, criando uma atmosfera opressiva e claustrofóbica quando é necessário usar a lanterna para enxergar nas alas escuras da delegacia. O som foi outro destaque, ajudando a construir a tensão na medida certa, sem exageros, fazendo com que cada movimento, passo, ou abrir de porta tenham o peso necessário para manter o jogador focado e sempre com a mão no gatilho, e dando frios na espinha nas cenas mais violentas.

Detalhes sobre o novo visual dos personagens


Durante o evento, pudemos ouvir o produtor do jogo, Yoshiaki Hirabayashi, falar um pouco sobre o processo de desenvolvimento desta nova versão, e as mudanças no visual dos personagens. Leon agora tem um uniforme mais realista, e para se chegar nesse resultado foram criados modelos reais de roupas para que o molde final ficasse mais próximo da realidade. O mesmo foi feito com a Claire, que tem roupas mais parecidas com uma policial e inspiradas em motociclistas. Já a Ada Wong foi quem mais sofreu alterações; a equipe levou meses pensando em como seria a nova versão dela, e por causa do mistério que envolve a personagem cuja história vai se revelando ao longo da franquia, decidiram criar um modelo inspirado em espiões, com um sobretudo e óculos escuros. Isso mostra o compromisso da equipe com a qualidade do jogo e o realismo para causar maior impacto no público.




Devemos embarcar no trem do Hype?

Como testamos uma versão de demonstração, não podemos dar um veredito definitivo ou uma previsão certeira sobre a versão final, mas baseado no que jogamos, podemos afirmar que este remake está superando as expectativas no quesito qualidade, respeitando a essência do jogo original mas trazendo melhorias acertadas em todas as decisões de design e jogabilidade. Aguardamos ansiosos pelo lançamento, certos de que será algo memorável.

Versão TL;DR: Todos a bordo no trem do hype!


Resident Evil 2 Remake será lançado no dia 25 de janeiro e estará disponível nas plataformas Playstation 4, Xbox One e PC.

5 comentários:

  1. Esse e o cara ......

    ResponderExcluir
  2. O RE2 foi o melhor da trilogia clássica pra mim. Mais um pra minha lista do ps4 (em 2019 compro finalmente! rss)

    ResponderExcluir
  3. Aeeeeeeee. Vi de perto e está incrível

    ResponderExcluir

Pages