Simulation Theory | Inspirado nas ficções científicas dos 80, Muse lança seu 8° álbum de estúdio - PREMIERE LINE

NEWS

Post Bottom Ad

sábado, 10 de novembro de 2018

Simulation Theory | Inspirado nas ficções científicas dos 80, Muse lança seu 8° álbum de estúdio


Nesta semana o Muse lançou o seu oitavo álbum de estúdio, batizado de "Simulation Theory", com onze faixas.

Muse tentou uma abordagem diferente para a produção de Simulation Theory em contraste com últimos três álbuns conceituais da banda (The Resistance, The 2nd Law e Drones), optando por focar em cada faixa individualmente em vez de focar no disco todo como um conceito. O trabalho começou em 2017, com três músicas sendo lançados em seguida, incluindo a canção "Dig Down". Em 2018, o grupo voltou ao estúdio, colaborando com o produtor Rich Costey, que já havia trabalhado com o Muse nos álbuns Absolution e Black Holes and Revelations.


O tema do álbum voltou a ficção científica e temas nostálgicos, conforme visto no material promocional. A capa do disco foi feita pelo artista Kyle Lambert, que trabalhara na série Stranger Things e os videoclipes foram dirigidos por Miike Snow e Twin Shadow, com toques futurista-retrô e de ficção, com uma temática anos 80, prestando homenagens a filmes como Back to the Future e Teen Wolf, o personagem Max Headroom, e o videoclipe da canção "Thriller" de Michael Jackson. Além de "Dig Down", as canções "Thought Contagion", "Something Human", "The Dark Side" e "Pressure" foram lançadas como single para divulgar o álbum.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages