R. Kelly diz "não dar a mínima" para as acusações de abuso sexual - PREMIERE LINE

NEWS

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

R. Kelly diz "não dar a mínima" para as acusações de abuso sexual

R. Kelly fez um pequeno discurso durante sua festa de aniversário em uma casa noturna em Chicago na quarta-feira (09) e demonstrou não estar se importando com as acusações de abuso sexual e a repercussão do documentário "Sobrevivendo R. Kelly".

"Vocês não sabem, mas hoje é o meu aniversário e eu não dou a mínima pra o que está acontecendo", disse o rapper logo após começar a cantar a introdução de "Bump n' Grind", confira abaixo o vídeo: 



O cantor de 52 anos, que já tem um extenso histórico de polêmicas em sua carreira, foi acusado de má conduta sexual, abuso físico e psicológico, comportamento predatório e pedofila por diversas mulheres no documentário "Sobrevivendo R. Kelly" televisionado pelo canal Lifetime, acusações as quais ele negou veementemente. O documentário rendeu uma investigação no estado da Georgia e fez com que alguns artistas que colaboraram anteriormente com R. Kelly pedissem desculpas, como Chance The RapperLady Gaga que chegou a dizer que iria a pagar a música feita em conjunto das plataformas de streaming. 

Apesar do discurso em seu aniversário, R. Kelly foi levado ao hospital dois dias após sua festa devido a um ataque de panico, supostamente causado pela exibição do documentário.

Pages